Virologia e Diagnóstico Virológico

Para o diagnóstico virológico, procede-se de forma similar ao diagnóstico bacteriano. As amostras biológicas coletadas in vivo, ou após a necropsia de animais doentes, são primeiramente processadas para a extração do material genético (RNA ou DNA) e utilizadas para amplificação do material genético viral por métodos moleculares. A lista completa dos exames virológicos realizados está disponível aqui.

Opcionalmente, para o isolamento do vírus em cultivo celular, é necessário primeiro eliminar os contaminantes bacterianos. Para isso, utilizam-se combinações de processos que envolvem adição de antibióticos, centrifugação e filtração. Após, o material biológico filtrado é inoculado em células animais cultivadas in vitro em condições especiais de tal forma que o vírus, quando presente, se multiplique nas células e possa ser posteriormente identificado de forma correta usando métodos moleculares.

 

 

 

 

Diagnóstico e exames virológicos